Igreja de Jesus Cristo A Última Hora

Ó SENHOR Deus, eu sei que o ser humano não é dono do seu futuro;
ninguém pode controlar o que acontece na sua vida.
Jeremias 10:23
Você está aqui: Home

O Caminho que Jesus Percorreu!

walkQualquer um que diga que é cristão deve andar como Cristo andou.

1ª João 2:6

 

 

 

caminho
Amado Internauta!

Começando na Galiléia

"E percorria Jesus toda a Galiléia, ensinando nas suas sinagogas, e pregando o evangelho do Reino, e curando todas as enfermidades e moléstias entre o povo”. Mateus 4:23

Por quase dois anos de duração Jesus esteve presente na Galiléia anunciando o Reino de Deus, efetuando curas e milagres notáveis. Seu ministério foi um exemplo de abnegação, de amor serviçal, e exige de cada cristão uma vida dinâmica em favor do mundo cheio de sofrimentos, guerras, ódios, invejas e injustiças.

Galiléia, Começo de Uma Nova Era

Em Atos 10:36,37, Pedro afirma que a Galiléia era o berço do Evangelho, pois diz ele: “Esta é a palavra que Deus enviou aos filhos de Israel, anunciando-lhes o evangelho da paz, por meio de Jesus Cristo. Este é o Senhor de todos. Vós conheceis a palavra que se divulgou por toda a Judéia, tendo começado desde a Galiléia;”. A voz profética como relata o profeta Isaías 9:1-7, apontou a Galiléia como o lugar da alvorada de uma nova era de esperança, de paz e de justiça. Esta terra precisava de um Libertador para redimí-la da desolação e miséria causadas pelos exércitos da Assíria.
Oito séculos mais tarde, quando o domínio da Assíria passou para as mãos de Roma, o Messias veio trazendo para este povo vencido e oprimido bênçãos maiores do que a emancipação, liberdade, e prosperidade. Era mais do que um Messias político, era o próprio Deus que vinha trazendo a luz da verdade espiritual, a liberdade da ignorância e do poder do pecado.
Em Cristo os ideais proféticos cumpriam-se porque a verdadeira redenção começa na vida espiritual. Começou seu ministério na Galiléia porque ali havia as mais densas trevas espirituais. “O povo que jazia em trevas viu grande luz, e aos que viviam na região e sombra da morte resplandeceu-lhes a luz. Mateus 4:16; cf. Isaías 9:1,2. Poderiam ter iniciado seu ministério em outro lugar, mas ali estava um povo sofredor, oprimido e nas trevas da ignorância e do pecado.

Galiléia dos Gentios, Começo de Uma Comunidade Universal

Esta região tinha uma população muito misturada com o elemento estrangeiro. Havia fusão de elementos Judeus, Gregos e Sírios. Jesus iniciou seu ministério, e como nota característica, numa localidade ocupada por uma multidão de pessoas procedentes de várias nacionalidades mostrando que o Evangelho estava destinado a universalizar-se.
O Ministério da Galiléia é uma parábola ou um símbolo da pregação universal do Evangelho e mostra que a Palavra e Deus atravessaria as fronteiras do povo escolhido. Esta é uma comunidade universal porque todos homens de qualquer raça, língua, cultura e de qualquer época da História podem tomar parte nela. O Evangelho que Cristo trouxe é universal porque todos podem aceitá-lo e porque é anunciado em todo o mundo. A Igreja cristã nunca foi universal no sentido de área geográfica pois não está espalhada, ainda, por todo o mundo. É universal porque recebe homens de todas as raças, de todos os níveis culturais e de todas as qualidades morais, sem qualquer distinção de classe.
Na Galiléia começa uma comunidade universal na promoção do amor, da justiça e da liberdade. A pergunta de Natanael a Filipe: “De Nazaré (Galiléia) pode sair alguma coisa boa? Respondeu-lhe Filipe: Vem e vê". João 1:46. Não somente foi respondida imediatamente com a presença de Jesus mas também é reafirmada agora com a presença de sua Igreja, edificando um mundo novo e melhor.

Galiléia, Começo de Uma Nova Ordem e Vida

João Batista pregava e batizava nas proximidades do Mar Morto. Mar que só recebia e não dava. Região estéril e infrutífera, cheia de areia e sal imprestável. Como seria paradoxal se o Evangelho começasse numa região desolada e estéril! Mas João Batista pertencia a velha ordem religiosa e social, vinha anunciando a lei e julgamento para a humanidade. Jesus começa seu ministério no brilhante, ensolarado e maravilhoso Mar da Galiléia, pois queria que a própria natureza entrasse em harmonia com sua mensagem de alegria, de paz, de amor, de consolação e de redenção.
Cristo, desde a Galiléia, agiganta-se como o maior de todos os inovadores. Apresenta uma nova concepção da paternidade de Deus, do Reino de Deus, e uma nova ordem de vida. Seus ensinos éticos eram totalmente novos. Para ele o sábado foi criado “por causa do homem, e não o homem por causa do sábado” e com esta afirmação transforma toda a estrutura social, religiosa e política do povo eleito.
Conforme a profecia o “o povo que jazia em trevas viu grande luz, e aos que viviam na região e sombra da morte, resplandeceu-lhes a luz”. Mateus 4:16. A Galiléia viu um Evangelho universal, envolvendo todas as classes e raças, atingindo publicanos como Mateus e pecadores como Madalena. Jesus Cristo era a verdadeira Luz que raiava na Galiléia dos Gentios.

Shalom Aleichem!
Paz Seja Convosco!
 

Enquete

Em qual personagem da Bíblia você se identifica?
 

Informativo

Cadastre-se para receber nossos informativos com notícias e novidades.



Redes Sociais